Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

DEU NA MÍDIA: repercussão da negativa do TJRS em relação ao terceiro pedido da OAB/RS de suspensão dos prazos

Nesta quarta-feira (30), repercutiu o terceiro pedido da OAB/RS em relação à suspensão dos prazos e das audiências e, por sua vez, a negativa do TJRS. O pedido foi motivado pela situação de calamidade em que o Estado se encontra. A OAB/RS orienta os advogados que não puderem comparecer aos atos judiciais por motivos justificados, que peticionem ao juízo antecipadamente. Casos indeferidos deverão ser informados, imediatamente, à OAB/RS por meio do e-mail: gabinetedapresidencia@oabrs.org.br Confira a coluna publicada no jornal Zero Hora: A greve, os advogados e a copa Os advogados gaúchos pediram ontem, pela terceira vez, a suspensão dos prazos dos processos no Rio Grande do Sul. A decisão sobre o assunto cabe a cada um dos juízes, mas a OAB entende que esta deveria ser uma postura institucional. "Queremos que o Tribunal de Justiça do Estado use o mesmo critério adotado para os jogos do Brasil na Copa", sugere o presidente da OAB, Ricardo Breier. Através de uma ordem de serviço, o TJ determinou que, "nos dias úteis dos jogos da Seleção na Copa, haverá alteração dos horários de expediente", bem como "prorrogação dos prazos processuais que venceram nas datas". A OAB vem recebendo centenas de apelos de advogados, especialmente do interior, onde os deslocamentos até os foros podem ser mais demorados e o abastecimento de combustíveis é ainda mais precário do que na Capital. De acordo com a Ordem, cerca de 40 das 164 comarcas gaúchas, por decisões de juízes, já suspenderam os prazos em função das dificuldades impostas pelo movimento dos caminhoneiros. No final da tarde, o presidente do TJ, desembargador Carlos Eduardo Zietlow Duro, negou o novo pedido. (
30/05/2018 (00:00)

Contate-nos

Rua dos Andradas  , 1560  , 16º andar
-  Centro
 -  Porto Alegre / RS
-  CEP: 90020-010
4003 84030800 880 8403
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia